Os cupons de alimentação são ajustados pela inflação?

0

Os cupons de alimentação receberam muita atenção nos últimos dias devido a grandes mudanças em suas regras. Os benefícios concedidos pelos empregadores para garantir que os funcionários tenham alimentação adequada não são obrigatórios.

A ajuda funciona como vale-refeição. A diferença é que o primeiro pode ser usado para comprar alimentos em locais como supermercados, enquanto o segundo é usado para pagar alimentos prontos, como restaurantes.

ajuste de valor

Todos os anos, o governo federal é obrigado por lei a atualizar o salário mínimo com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). O objetivo da utilização de um medidor de inflação é evitar a perda de poder aquisitivo da população.

Mas o mesmo não ocorre com os vales. A princípio, a empresa não tem compromisso de reajustar o valor dos benefícios, uma vez que eles nem mesmo são obrigatórios.

No entanto, se houver algum contrato ou acordo com o sindicato da categoria que determine a correção, ele precisará ser cumprido. Quando a renovação do valor do vale-refeição pactuado entre empregado e empregador não der certo, o trabalhador e/ou seu sindicato poderão ajuizar ação na Justiça do Trabalho.

Brasileiros se alimentam por padrão

As despesas com alimentação custaram a 18% dos brasileiros uma perda nos primeiros seis meses do ano. Os dados são da Boa Vista, que coletou dados de 1.500 consumidores em todo o país. Esse nível é o mais alto em uma série de todos os tempos que começou há cinco anos.

A maioria dos negativos (28%) atribui a inadimplência ao desemprego. Outros 24% disseram que foi resultado da menor renda.

“Historicamente, o desemprego tem sido um dos principais contribuintes para o impacto negativo, e tem sido, embora o desemprego tenha caído nos últimos meses”, disse Flavio Calife, economista da Boa Vista.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler Mais