Veredicto do Griner Rússia esperado ‘em breve’, dizem advogados

0

O julgamento da estrela de basquete norte-americana Brittney Greenner na Rússia terminará “muito em breve”, disse seu advogado na terça-feira, quando o Kremlin alertou os EUA que a diplomacia de megafone não poderia garantir uma troca de prisioneiros. Isso é bom para o Texas de 31 anos.

Greener, duas vezes medalhista de ouro olímpica e estrela da WNBA, foi detida em 17 de fevereiro no aeroporto de Sheremetyevo, em Moscou, com um cartucho contendo óleo de cannabis em sua bagagem.

Ela se declarou culpada de acusações de porte de drogas, mas negou qualquer intenção de violar a lei russa. Ela pode pegar até 10 anos de prisão.

Um veredicto no caso é esperado “muito em breve”, disse a advogada Maria Blagovolina, sócia do escritório de advocacia Rybalkin, Gortsunyan, Dyakin and Partners. Defesa e acusação vão apresentar alegações finais na quinta-feira.

O caso contra Greener destaca as tensões entre a Rússia e os Estados Unidos sobre as ações de Moscou na Ucrânia.

Blagovolina disse que Greener ouviu que Washington fez o que o secretário de Estado dos EUA, Anthony Blinken, chamou de “oferta substancial” a Moscou para libertar cidadãos americanos detidos na Rússia.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, expressou surpresa com a natureza pública dos comentários de Blinken na época, dizendo na terça-feira que qualquer discussão sobre uma possível troca precisa ser cautelosa.

“Ainda acreditamos que qualquer troca de informações sobre esse assunto deve ser feita com cautela”, disse Peskov a repórteres em uma teleconferência.

* É proibida a reprodução deste conteúdo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler Mais