Polêmica: presidente do Nubank diz que clientes podem ficar sem cartão de crédito

0

Em comunicado recente, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, anunciou que, à medida que a tecnologia avança, os cartões de crédito podem deixar de existir. Além dele, o presidente e COO do Nubank, Youssef Lahrech, também acredita nessa previsão.

“O impacto do streaming de filmes na indústria do entretenimento é semelhante ao impacto da digitalização dos pagamentos nos bancos. Tudo mudou. Concordo que os cartões de crédito podem desaparecer, e é por isso que estamos mudando para outros métodos de pagamento, incluindo Pix, BNPL ”, disse o executivo ao jornal Valor Econômico.

De acordo com Lahrech, o aumento do volume de negócios por meio do Pix mostra o quanto essa tendência pode se expandir no futuro. “Acho que a Pix afetará primeiro os cartões de débito, depois os cartões de crédito”, acrescentou.

Os cartões de crédito são arriscados?

Apesar dessas previsões, ainda pode levar anos até que a morte do cartão de crédito seja realmente anunciada. Isso porque a ferramenta ainda oferece benefícios exclusivos, como parcelamento e compras internacionais.

Não há como negar que a Pix ficará com a maior fatia do bolo de negociação financeira do mercado. Nas palavras do presidente e diretor de operações do Nubank: “Estou muito feliz que os cartões de crédito possam ser canibalizados”.

Além disso, o executivo acredita que com a introdução do novo sistema de pagamentos do B.C., os processos bancários devem aumentar, e a base do banco no Brasil pode dobrar devido ao seu vasto mercado endereçável.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler Mais